Fortaleza, Segunda-feira, 19 Outubro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Seminário apresenta situação atual das Bacias Metropolitanas do Estado - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quinta, 24 Setembro 2020 18:17

Seminário apresenta situação atual das Bacias Metropolitanas do Estado

Avalie este item
(2 votos)
Informações sobre a situação atual das Bacias Metropolitanas do Estado foram apresentadas no segundo Seminário Regional do Pacto pelo Saneamento, realizado nesta quinta-feira (24/09), pelo Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da Assembleia Legislativa do Ceará.

De forma virtual, o seminário reuniu mais de 100 pessoas, representando diversas entidades e órgãos do Estado, que compartilharam análises e ações que vêm sendo realizadas em diversos eixos e a importância da sistematização de dados e informações sobre saneamento, drenagem, manejo de resíduos sólidos, saneamento urbano, educação ambiental.

Ao longo do evento, foram apresentados dados técnicos sobre o quadro geral que compõe as Bacias Metropolitanas, formadas por 16 bacias independentes, que reúnem 31 municípios e apresentam uma capacidade de acumulação de águas superficiais de 1.325.344.000 m3, num total de 14 açudes públicos, gerenciados pela COGERH. Elas abrigam o mais importante centro consumidor de água do Estado, a Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

As informações estão contidas no caderno elaborado pelo Conselho de Altos Estudos. O documento discutido na reunião aponta que a disponibilidade hídrica tem sido insuficiente para o atendimento da população e para o suprimento de todas as atividades econômicas, necessitando importar água de outras bacias hidrográficas, principalmente pelas transposições Jaguaribe / RMF, através do Canal do Trabalhador e do Eixo Castanhão / RMF.

Foram apresentados os cenários e desafios dos eixos “Abastecimento de Água Potável e Esgotamento Sanitário”, por Marcella Facó, da Secretaria das Cidades; “Saneamento Rural”, por Ênio Girão, da Embrapa; “Limpeza Urbana e Manejo de Resíduos Sólidos”, por Vanessa Lima, da Secretaria das Cidades.

Dois outros temas ainda foram debatidos: “Drenagem e Manejo de Águas Pluviais Urbanas”, por Assis Bezerra, da Secretaria Municipal de Infraestrutura de Fortaleza (Seinf) e Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea), e “Educação Ambiental para o Saneamento”, por Ana Estela de Amorim Fernandes, da Cagece.

Rosana Garjulli, coordenadora técnica do pacto, destacou que cada eixo temático possui interseção com os demais, o que indica a relevância do trabalho de sistematização de informações, uma vez que existem ações sendo realizadas por diversos órgãos.

Ela comentou que o pacto foi lançado em dezembro de 2019 e é importante que as informações partilhadas a cada seminário sejam multiplicadas, para envolver ainda mais instituições e cidadãos sobre esse importante tema.  

Segundo os diversos participantes, o alinhamento de ações é essencial para a efetivação das políticas públicas e os bons resultados. O pacto, destacaram, pode contribuir de forma importante para o enfrentamento dos desafios postos para a complexa questão do saneamento.

Serão realizados mais sete seminários até o dia 20 de outubro, promovendo debate sobre as diversas bacias hidrográficas do Ceará. O próximo evento focará na Sub-Bacia do Banabuiú, no dia 29 de setembro (terça-feira), às 14h. As inscrições para participação podem ser realizadas no link até o dia 28/09. 

SA/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 596 vezes Última modificação em Quinta, 24 Setembro 2020 19:05

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

O presidente sancionou mudanças no Código de Trânsito Brasileiro que abrandam algumas penas e tornam outras mais duras, como o homicídio ocasionado por motorista embriagado. Você conhece as novas regras?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500