PROJETO DE LEI N� 56/07

( ORIUNDO DO PROJETO DE LEI N.� 107.06 � DESARQUIVADO )

 

 

Concede o T�tulo de Cidad�o Cearense aAnt�nio J�lio de Jesus Trindade.

 

 

 

A ASSEMBL�IA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEAR�

 

D E C R E T A:

Art. 1� � concedido t�tulo de Cidad�o Cearense a Ant�nio J�lio de Jesus Trindade, portugu�s de nascen�a naturalizado brasileiro, o t�tulo de Cidad�o Cearense.

Art. 2� Esta Lei entra em vigor na data de sua publica��o.

Art. 3� Revogam-se as disposi��es em contr�rio.

 

 

 

 

SALA DAS SES�ES DA ASSEMBL�IA LEGISLATIA DO ESTADO DO CEAR�, em14 dejunho de 2006.

 

 

 

 

DEPUTADO FRANCISCO CAMINHA

L�DER � PHS

 

 

 

JUSTIFICATIVA

 

 

�������� O empres�rio J�lio Trindade portugu�s de nascen�a naturalizado brasileiro, instalou-se no litoral de Amontada (163 km de Fortaleza), onde pretendia sobreviver da pesca da lagosta. O neg�cio, no entanto, n�o vingou.

 

Com a experi�ncia adquirida como dono de bar no Pelourinho baiano, Trindade desembarcou na ent�o pouco visitada Praia de Iracema para montar um dos primeiros bares tem�ticos da cidade. Quem poderia imaginar que uma segunda-feira seria a noite mais agitada e mais esperada da semana? J�lio imaginou, e fez com que, funcionando desde 1986, seu Pirata Bar, em Fortaleza, passasse a ser conhecido internacionalmente por promover �a mais louca segunda-feira do mundo�. Os ingredientes? bons servi�os, os ritmos musicais nordestinos e a experi�ncia de quem j� rodou o mundo e sabe o que fazer para agradar �s pessoas.

 

Hoje, al�m da casa ser conhecida internacionalmente, a marca Pirata responde por seis empresas, sendo tr�s bandas (Banda do Pirata, Pirata Tropical e Forr� P�-de-chinelo), uma produtora (a Pirata Brasil) e duas lojas de souvenirs, que empregam cerca de 115 pessoas. O grupo mant�m ainda a Funda��o Pirata Marinheiros, que h� 13 anos desenvolve a��es socio-educativas na Praia de Iracema e nos litorais de Amontada e Itapipoca.

 

O Pirata foi certificado, h� 6 anos, como Empresa Amiga da Crian�a da Funda��o Abrinq. Apresenta entidades as quais as empresas s�o afiliadas, a saber: RegistradoaEMBRATUR-Empresa Brasileira de Turismo; Associado da ABRASEL-Associa��o Brasileira de Empresas de Entretenimento e Lazer; Associado da ABEOC-Associa��o Brasileira de Empresas Organizadoras de Eventos; Associado ao Convention Bureau; Associado aoCDLC�mara de Dirigentes Lojistas; Pirata � Empresa Amiga da Crian�a da Funda��o Abrinqdesde 1997; Criador do Projeto Esta Praia Tem Futuro � projeto de revitaliza��o da Praia do Futuro; Membro do PLANEFOR- PlanoEstrat�gico da Regi�o Metropolitana de Fortaleza; Membro do Pacto de Turismo do Cear�; Parceiro e incentivador da Federa��o de Quadrilhas do Cear�; Parceiro da Funcet Funda��o de Cultura Esportes e Turismo; Representante do Cear� no Festivalde Turismo de Gramado nos�ltimosquatro anos; Representante do Cear� na BTL - Bolsa de Turismo de Lisboa; Representantedo Cear� e sua Culturaem eventos em S�o Paulo, Minas Gerais , Bras�lia, Rio Grande do Sul e Paran�; Membro do Pacto de Turismodo Cear�; Parceiro da SEMACE- Secretaria do Meio Ambiente na realiza��o de eventos do Meio Ambiente; Parceiro do IBAMAem campanhasde preserva��o do meio ambiente

 

A��es no Terceiro Setor : Presidente daFunda��oMarinheiros; Idealizador do Projeto Pirata Brasil Brest2004; Fundador do Projeto Piratinhas do Forr�, que durante dois anos capacitoujovensem situa��o de risco para atuarem como m�sicos; Criador e Executor do Projeto Pirata Forr� Solid�rio parceria com a Capacita��o Solid�ria, que durante seis meses capacitou 30 jovens m�sicos. Convidado a apresentar-se no evento do BIRD em 2002; Criador de 520hectaresde RPPN �Reserva Particular do Patrim�nio Natural - a qual garante a preserva��o perp�tuadeecossistemas litor�neos; Fundador da Associa��o de Moradores de Caetanos � Amontada; Fundador da Col�nia de Pescadores deAmontada; Membro do Comit� de Enfrentamento contra a viol�nciainfanto-juvenil, como representante do Trade Tur�stico.Comit� que agrega v�rias secretarias do Governo do Estado; Membro do Conselho de Turismo da Costa do Sol.Conselho que re�nesete entidades representativasdo terceiro setor do Cear� .

 

�������� Senhores Deputados, a entrega do t�tulo de Cidad�o Cearense ao Sr. J�lio Trindade ser� uma homenagem que faremos a toda comunidade portuguesa no Brasil, haja vista tratar-se de pessoa digna, honesta e que faz de sua profiss�o uma arte de viver.

�������� Por estas raz�es, solicito aos Nobres Deputados a concess�o desta honraria ao Sr. Ant�nio J�lio de Jesus Trindade.

 

�������� Data Retro.

 

 

DEPUTADO FRANCISCO CAMINHA

L�DER - PHS