Fortaleza, Segunda-feira, 25 Junho 2018

Pesquisar

Processo Virtual


Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quarta, 08 Março 2017 11:52

Rachel Marques critica Reforma da Previdência

Avalie este item
(0 votos)
Deputada Rachel Marques Deputada Rachel Marques Foto: Edson Júnior Pio
A deputada Rachel Marques (PT) destacou, nesta quarta-feira (08/03), durante o primeiro expediente da sessão plenária, a questão da Reforma da Previdência, proposta pelo Governo Federal, que estipula a mesma idade mínima para a aposentadoria a homens e mulheres. Para ela, da forma como está, o texto aprofunda ainda mais as desigualdades entre homens e mulheres. “Essa reforma desconsidera todas as desigualdades que as mulheres hoje sofrem no mercado de trabalho”, frisou.

Na opinião da deputada, a reforma não leva em consideração a realidade da mulher com a dupla jornada de trabalho, que inclui tarefas domésticas. Conforme citou Rachel Marques, a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2014 aponta que 90,6% realizam afazeres domésticos, e essa dupla jornada limita a possibilidade de ascensão profissional.

A parlamentar afirmou ainda que são destinados às mulheres os piores postos de trabalho e salário. “Precisamos lutar para que não haja retrocesso de conquistas alcançadas pela mulher no que diz respeito à aposentadoria e à Previdência”, avaliou.

Rachel Marques também pediu apoio para a aprovação do projeto de lei que institui e disciplina o Estatuto do Parto Humanizado no Ceará. Segundo ela, a proposta já recebeu parecer favorável da Procuradoria da Casa e passará a tramitar nas comissões técnicas. “O projeto visa garantir melhor assistência das mulheres nesse período gravídico”, explicou.

Em aparte, a deputada Dra. Silvana (PMDB) parabenizou o discurso, mas observou que o risco de igualar a idade para aposentadoria de homens e mulheres se deve à igualdade de gênero.  “Uma mulher é diferente do homem, gênero é principio gramatical. Jamais uma mulher pode se aposentar igual ao homem no mesmo período. Somos diferentes, sou contra essa reforma perversa”, protestou.

LS/AT

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 170 vezes Última modificação em Quarta, 08 Março 2017 15:08

Mídia

Portal do Servidor

INSCREVA-SE

Comitê / Frente

Enquete

Com o desempenho até agora na Rússia, o Brasil se mantém entre os maiores favoritos para vencer o Mundial?

Rachel Marques critica Reforma da Previdência - QR Code Friendly


 

  29ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500