Fortaleza, Quarta-feira, 22 Maio 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Terça, 27 Março 2018 15:53

Comitê lança portal para monitorar homicídios de adolescentes Destaque

Avalie este item
(1 Voto)
Com o propósito de dar maior transparência e monitorar os números alarmantes de homicídios de jovens de 10 a 19 anos no Estado, o Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência (CCPHA) lança o portal eletrônico Cada Vida Importa.

No site também é possível acessar um apanhado de histórias de vida de adolescentes mortos nos últimos anos no Estado, a agenda de atividades do comitê e todas as publicações do colegiado, lançadas numa parceria entre Assembleia Legislativa, Governo do Estado, Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e sociedade civil.

O público pode acessar o portal pelo endereço www.cadavidaimporta.com.br ou pelo site da AL.

O Comitê acompanha regularmente os levantamentos de crimes violentos letais intencionais (CVLI) divulgados no site da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). No ano passado, 5.134 pessoas foram assassinadas no Estado, o maior registro da história do Ceará. No território de Fortaleza, 414 adolescentes de 10 a 19 anos foram mortos em 2017.

Somente no ano anterior, o número de adolescentes mortos chegou a 98, colocando o Ceará como líder do Índice de Homicídios na Adolescência (IHA) no Brasil. Entre as capitais, Fortaleza também ocupa o primeiro lugar, com o registro de 414 homicídios de jovens.

“Vencer o desafio do trágico número de homicídios de adolescentes e jovens no Ceará demanda informações de boa qualidade. Um dos objetivos do comitê é manter um banco de dados atualizado sobre os homicídios, especialmente, sobre esforços para evitá-los. O site se soma às demais iniciativas de comunicação que desenvolvemos a fim de permitir que a sociedade cearense acesse uma visão mais aprofundada dessa situação, que demanda certamente ações intersetoriais, de curto e longo prazos”, destaca o relator do CCPHA, Renato Roseno.

COMITÊ

Instituído em 2016 na AL, o Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência liderou uma pesquisa de campo – em parceria com Governo do Estado, Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e instituições do Poder Público e da sociedade civil – que mapeou 224 famílias de adolescentes assassinados em 2015 em sete cidades cearenses: Fortaleza, Juazeiro do Norte, Sobral, Maracanaú, Caucaia, Horizonte e Eusébio.

Reunindo 24 profissionais, o trabalho resultou no relatório “Cada Vida Importa”, assinado pelo deputado estadual Renato Roseno (Psol), relator do Comitê. A versão final está disponível no portal, assim como o documento com as 12 recomendações para prevenir assassinatos de meninos e meninas de 10 a 19 anos.

RS/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 869 vezes Última modificação em Terça, 27 Março 2018 16:16

Ideia Certa

Portal do Servidor

Enquete

Dados do Ministério da Saúde apontam que em 2016 houve 34.850 mortes no trânsito no Brasil. Desse total, 1/3 das vítimas eram motociclistas. Qual a melhor forma de enfrentar esse problema?

Comitê lança portal para monitorar homicídios de adolescentes - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500