Fortaleza, Quinta-feira, 20 Junho 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Segunda, 17 Dezembro 2018 11:53

"The Guardian" destaca trabalho do Comitê pela Prevenção de Homicídios

Avalie este item
(1 Voto)
O trabalho desempenhado pelo Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência (CCPHA) da Assembleia Legislativa foi destaque em matéria do jornal britânico "The Guardian" na última sexta-feira (14/12). O periódico acompanhou a atuação do colegiado entre os dias 11 e 13 de novembro, durante a Semana de Prevenção de Homicídios na Adolescência.

De acordo com a reportagem, intitulada “A child is killed daily: saving lives in Brazil´s deadlist city for adolescents” (Uma criança é morta diariamente: salvando vidas na cidade mais mortal do Brasil para adolescentes), em 2017, Fortaleza se tornou a capital com o maior registro de assassinato de crianças e jovens entre 10 e 19 anos, com 414 casos. Porém, ao mesmo tempo em que crescem os índices de violência na cidade, a matéria ressalta que ganham força movimentos de proteção aos jovens em situação de vulnerabilidade social, como o Comitê da Assembleia.

Para o deputado Renato Roseno (Psol), relator do CCPHA, o jornal britânico tem relatado as situações de violência na América Latina, já tendo abordado inclusive a questão da violência e da tortura nas unidades socioeducativas do Ceará. “Trata-se de um noticiário respeitabilíssimo na Europa e em todo o mundo, sendo gratificante saber que o trabalho do Comitê está repercutindo em nível internacional”, disse.

Na matéria, Renato Roseno afirma que a maioria das mortes de adolescentes no Estado são evitáveis e reforça as recomendações de políticas públicas formuladas pelo Comitê. O parlamentar cita ainda exemplos de cidades como Bogotá e Cali, na Colômbia, em que políticas que incluem mudanças no modelo de segurança pública e investimentos em urbanização social ajudaram a reduzir taxas de homicídios.

Na última quarta-feira (12/12), o CCPHA foi agraciado, durante o segundo expediente da sessão plenária, com o prêmio “Best of Unicef Research 2018”, concedido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em reconhecimento à publicação "Trajetórias Interrompidas", elaborada pelo Comitê. É a primeira vez que uma pesquisa brasileira recebe essa premiação. O estudo buscou compreender as causas dos homicídios de adolescentes em Fortaleza e em outros seis municípios cearenses, bem como apresentou recomendações para a prevenção desses crimes. 

O CCPHA foi criado em 2016, na Assembleia, com o objetivo de promover o diálogo com diferentes setores da esfera pública, conselhos de defesa da criança e do adolescente e organizações da sociedade para ofertar recomendações de prevenção ao assassinato de jovens.

RG/RM

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 337 vezes Última modificação em Terça, 18 Dezembro 2018 09:22

Portal do Servidor

Enquete

Você costuma doar sangue?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500