Notícias

Ações de sustentabilidade do Vem pra Alece impactam social e ambientalmente

Por Ariadne Sousa
03/05/2024 17:06 | Atualizado há 1 mês

Compartilhe esta notícia:

- Foto: Marcos Moura

A segunda edição do Vem pra Alece, promovido pela Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (Alece) no último domingo (28/04), teve foco especial na gestão integrada de resíduos.

O supervisor da Célula de Sustentabilidade e Gestão Ambiental, vinculada ao Comitê de Responsabilidade Social (CRS) da Alece, Yuri Passos, informa que durante o evento foram recolhidos cerca de 171 quilos de resíduos. 

“Além de promover os coletores todos organizados, o material de identificação, ainda tinha sensibilizadores in loco, falando com as pessoas, falando do evento, a importância de promover a sustentabilidade”, informou.

Entre as atividades desenvolvidas para que os visitantes pudessem ter contato com informações e orientações a respeito de práticas sustentáveis, o supervisor destaca, no espaço da Tenda da Sustentabilidade, o Jogo da Aventura Sustentável, a doação de mudas e a feira de orgânicos. 

“A gente também teve ações de sensibilização volantes com os nossos mascotes, como o robô e a ‘moça de papel’, mas, além disso, com a parte da gestão de resíduos, a gente conseguiu recolher no evento 171 quilos”, detalhou.

Foram recolhidos 74kg de plástico tipo pet, 55kg de papel, 6kg de vidro, 4kg de metal e 32kg de outros plásticos. As estratégias promovidas para compensar os efeitos ambientais gerados resultaram ainda na compostagem de 31kg de orgânicos.

Foto: Marcos Moura

Na Tenda da Sustentabilidade, a Secretaria de Meio Ambiente e Mudança do Clima (Sema), parceira da Alece no evento, realizou a distribuição de mudas de plantas. Uma exposição sobre sementes nativas da caatinga e a importância de manter a biodiversidade desse bioma exclusivamente brasileiro também foi atração. A Tenda da Sustentabilidade possibilitou ainda uma imersão com realidade virtual com óculos 3D, em parceria com a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), apresentando os serviços e quais as etapas essenciais antes de a água chegar à casa das pessoas.

Já aliando o âmbito social, houve o envolvimento de cinco catadores de materiais recicláveis da Associação Aran, com a geração de R$ 508,88 em renda para eles. 

As organizações engajadas nas iniciativas de sustentabilidade foram a Secretaria do Meio Ambiente e Mudanças Climáticas do Ceará (Sema); a Solar Coca-Cola; Verde Ar; a Feira Caroá; o Centro de Formação, Capacitação e Pesquisa Frei Humberto; a Cagece; o Sesc; o Instituto Robótica Sustentável e artesãos do Artesanato Sustentável.

Edição: Lusiana Freire

Veja também