Notícias

Alece une forças ao lado de servidores e parceiros em auxílio às vítimas do RS

Por Vandecy Dourado
10/05/2024 16:33 | Atualizado há 1 semana

Compartilhe esta notícia:

A Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (Alece) lidera um esforço solidário para arrecadar alimentos, água, ração para animais, materiais de higiene e limpeza, bem como peças de roupas para as vítimas dos temporais e inundações que comprometeram mais de 300 cidades do Rio Grande do Sul. As doações podem ser feitas até o dia 17 de maio, em três pontos de coleta em Fortaleza. 

Em resposta à situação de calamidade pública e vulnerabilidade da população gaúcha, o Parlamento cearense se une em torno do Movimento Acolher, campanha da Alece iniciada nessa quarta-feira (08/05) com o objetivo de arrecadar mantimentos e produtos para doação. À frente do Comitê de Responsabilidade Social (CRS), a primeira-dama da Alece, Cristiane Leitão, destaca que esse é um ato de solidariedade para tentar minimizar o sofrimento dos gaúchos.

Primeira-dama da Alece, Cristiane Leitão, conclama população a apoiar desabrigados do Rio Grande do Sul

"Precisamos oferecer essa ajuda para os nossos irmãos brasileiros do Rio Grande do Sul. Foi uma verdadeira tragédia, mas o Parlamento, mais uma vez, está abrindo as suas portas, fazendo esse gesto de acolhimento e humanização. Todos os nossos servidores e parceiros aqui do Parlamento cearense estão juntos fazendo essa grande mobilização", comentou a primeira-dama. 

Cristiane Leitão compartilhou sua gratidão pelo apoio recebido até o momento e espera que haja adesão da população cearense. "Graças a Deus, já estamos recebendo uma grande quantidade de mantimentos. Eu acredito que essa unidade vai fazer a diferença para pessoas que realmente estão precisando".

Nessa quinta-feira (09/05), o deputado Simão Pedro (PSD) entregou 200 cestas básicas e 300 kg de ração para cães e gatos para a campanha Movimento Acolher, totalizando 3,6 toneladas de mantimentos. Ele enfatizou a união de forças nessa oportunidade para incentivar que mais pessoas se envolvam nas doações. 

"Nesse momento, a prioridade são as pessoas que estão precisando. A pandemia passou e deu uma lição para a gente, que não podemos esquecer de solidariedade, de ajuda ao próximo e de amor às pessoas. Todos os deputados também irão fazer a sua doação, da forma que eles puderem, mas é importante cada um fazer a sua doação", assinalou o parlamentar cearense.

A campanha disponibiliza três pontos de coleta dos materiais para que a população também colabore com as arrecadações. A entrega das doações se estende até o dia 17 de maio e deve ser feita no período das 8h às 17h. Confira:

PONTOS DE COLETA: 

  • Alece (anexo I): recepção pela Avenida Desembargador Moreira, 2.807, e na recepção com entrada pela Rua Barbosa de Freitas, no bairro Dionísio Torres;
  • Alece (anexo III) - recepção e na sala do Movimento das Mulheres do Legislativo Cearense (MMLC), na Avenida Pontes Vieira, 2.348, no bairro Dionísio Torres;
  • Sede da Assalce: Rua João Emídio da Silveira, 198, no bairro Dionísio Torres. 

SERVIÇO

O Movimento Acolher é uma iniciativa do Parlamento cearense encabeçada pelo Comitê de Responsabilidade Social (CRS) da Casa e conta com apoio do Movimento das Mulheres do Legislativo Cearense (MMLC), da Associação dos Servidores da Alece (Assalce), da 1ª Companhia do Comando de Bombeiro da Capital, do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) e da 2ª Companhia de Polícia de Guarda, Polícia Militar do Ceará (PMCE).

Vale ressaltar que a logística para os donativos chegarem ao Rio Grande do Sul foi planejada com envolvimento direto da Defesa Civil do Ceará, coordenadoria vinculada ao Corpo de Bombeiros Militar.

Para mais detalhes sobre como contribuir com as doações, os interessados podem entrar em contato pelos seguintes números de telefone: (85) 3272-7857 (MMLC) | (85) 3257-6626 e (85) 3272-8832 (Assalce).

Edição: Clara Guimarães

 

Veja também